Minha Vida com a Família Walter crítica da série da Netflix 2023

Foto: Netflix / Divulgação

Baseada no livro homônimo de Ali Novak, a série “Minha Vida com a Família Walter” (My Life With the Walter Boys) estreou nesta quinta-feira (7) no catálogo da Netflix. A produção mergulha nas complexidades da adolescência, trazendo à tona a história de Jackie Howard (Nikki Rodriguez), uma jovem cujo mundo desaba após perder toda a sua família.

Leia também

‘Família Analógica’ e o poder da escolha

‘Nem Tão Perfeitos Assim’ traz frescor para o universo das séries da Netflix

‘Eu Odeio Natal’: 2ª temporada não escapa de clichês, mas eleva o nível

Sinopse da série Minha Vida com a Família Walter

Em “Minha Vida com a Família Walter”, a realidade Jackie Howard, de apenas 15 anos, muda drasticamente quando seus pais e irmã morrem em um acidente, levando-a a se mudar para a casa dos Walters, amigos de sua mãe, em uma pequena cidade no Colorado. Lá, Jackie se depara com sete irmãos e dois primos, todos sob os cuidados do casal Walter.

O enredo se desenrola em torno dos dilemas de Jackie ao lidar com a tragédia, a adaptação à nova vida e a complicada dinâmica entre os irmãos, especialmente os interesses românticos, Alex (Ashby Gentry) e Cole (Noah LaLonde).

Vale a pena ver Minha Vida com a Família Walter?

“Minha Vida com a Família Walter” se esforça para seguir a fórmula de dramas adolescentes, mas a falta de química entre os protagonistas e as escolhas de roteiro confusas prejudicam a experiência do espectador. A série explora o amor adolescente, rivalidades entre irmãos e dramas escolares, mas o enredo carece de urgência e profundidade. A construção do triângulo amoroso entre Jackie, Alex e Cole não consegue cativar, tornando-se um elemento clichê que não inova nem emociona.

A diversidade do elenco, embora presente, é superficial, com personagens de diferentes origens étnicas que não impactam em nada na trama. A falta de desenvolvimento dos coadjuvantes contribui para a sensação de que a série se apoia em estereótipos, não explorando a complexidade dos adolescentes e suas experiências de vida, fazendo um politicamente correto forçado.

Conclusão

“Minha Vida com a Família Walter” oferece uma narrativa genérica e personagens pouco memoráveis. Embora a série busque proporcionar uma experiência aconchegante e familiar, a falta de profundidade nos personagens e a previsibilidade da trama a impedem de atingir seu potencial.

  • Vai comprar na Amazon? Então ajude o Flixlândia adquirindo seus produtos pelo nosso link: https://amzn.to/41fnLbN

Onde assistir à série Minha Vida com a Família Walter (2023)?

A série “Minha Vida com a Família Walter” estreou nesta quinta-feira, dia 7 de dezembro de 2023, no catálogo da Netflix.

Trailer da série Minha Vida com a Família Walter, da Netflix (2023)

Minha Vida com a Família Walter: elenco da série da Netflix

  • Nikki Rodriguez
  • Sarah Rafferty
  • Marc Blucas
  • Noah LaLonde
  • Ashby Gentry
  • Johnny Link

Ficha técnica da série Minha Vida com a Família Walter, da Netflix (2023)

  • Título original da série: My Life with the Walter Boys
  • Criação: Anthony Van Biervliet
  • Direção: Jerry Ciccoritti, Winnifred Jong, Nimisha Mukerji, Jason Priestley
  • Roteiro: Kelsey Barry, Melanie Halsall, Jonathon Roessler, Jesikah Suggs, Tawnya Bhattacharya, Ali Laventhol, Jordan Ross Schindler, Grace Condon, baseado no livro de Ali Novak
  • Gênero: drama
  • País: Reino Unido, Estados Unidos
  • Ano: 2023
  • Temporada: 1
  • Episódios: 10
  • Duração: de 39 a 56 minutos
  • Classificação: 14 anos

3 thoughts on “Trama genérica faz com que ‘Minha Vida com a Família Walter’ não atinja seu potencial

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *