cena do filme Um Dia e Meio - confira crítica do drama sueco da Netflix 2023

Foto: Netflix / Divulgação

Um Dia e Meio (En Dag Och en Halv), novo filme sueco da Netflix, já atingiu o top 1 da plataforma logo nos primeiros dias de estreia. O drama, que carrega um pouco de suspense, mostra a trajetória de um sequestro durante o período destacado no nome do longa-metragem.

Na trama, Artan (Alexej Manvelov) invade a clínica onde Louise (Alma Pöysti) – sua ex-mulher – trabalha e a faz de refém para tentar reencontrar a filha pequena. Os dois embarcam com o policial Lukas (Fares Fares) em uma viagem de carro com a polícia em seu encalço, atravessando a área rural da Suécia.

Leia também

Questões importantes, mas nada além disso

O filme Um Dia e Meio aborda questões relevantes, como doenças mentais, relações extraconjugais, feminicídio, violência contra a mulher, xenofobia, entre tantas outras. Mas não só de pontos importantes se faz uma boa produção.

Apesar de ter somente uma hora e meia de projeção, o longa-metragem se arrasta e faz tamanho ‘zigue-zague’ na história do casal que acaba ficando cansativo. Se a ideia era aprofundar os temas, sua curta trajetória – aliada à interferência do policial, que também tem seus dramas familiares com o filho e a ex-esposa – transforma o que poderia ser um bom filme de drama e suspense em algo modorrento.

Conclusão

Não que Um Dia e Meio não tenha suas qualidades. O filme consegue criar alguns bons momentos de tensão, mas, à medida que avança na trama, já logo faz o espectador prever o desfecho, que acaba se concretizando da forma imaginada. Ao menos, não dura tanto tempo como diz o nome da obra.

Um Dia e Meio: história do filme é real?

Um Dia e Meio foi inspirado em uma história real. Em entrevista para a revista Vogue escandinava, o ator e diretor Fares Fares revelou que a trama foi baseada em um sequestro ocorrido em 2008, na Suécia, que soube do caso por meio de uma notícia de jornal.

Contudo, apesar dessa declaração, o próprio artista confessou que o texto coescrito com o jornalista e roteirista estreante de longa-metragem Peter Smirnakos é totalmente fictício. Como Fares contou à publicação, “essa é a história sobre um homem que entrou no consultório de um médico com uma pistola e tentou forçar sua ex-mulher a dizer onde ela deixado o filho deles. E a polícia chega, e bem… Foram apenas algumas linhas, muito curtas, mas eu vi uma história aí.”

Onde assistir ao filme Um Dia e Meio?

O filme Um Dia e Meio estreou em 1º de setembro no catálogo da Netflix.

Trailer do filme Um Dia e Meio, da Netflix (2023)

Um Dia e Meio: elenco do filme (Netflix)

  • Alexej Manvelov
  • Alma Pöysti
  • Fares Fares

Ficha técnica de Um Dia e Meio, filme sueco da Netflix (2023)

  • Nome original do filme: En Dag Och en Halv
  • Direção: Fares Fares
  • Roteiro: Fares Fares, Peter Smirnakos
  • Gênero: drama, suspense
  • País: Suécia
  • Ano: 2023
  • Duração: 95 minutos
  • Classificação: 16 anos

2 thoughts on “‘Um Dia e Meio’ em uma hora e meia (ainda bem)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *