O Que Jennifer Fez crítica do filme documentário Netflix 2024

Foto: Netflix / Divulgação

O filme “O Que Jennifer Fez” (What Jennifer Did) é um documentário da Netflix que explora um crime chocante ocorrido em 2010, envolvendo Jennifer Pan, uma jovem filha de imigrantes vietnamitas no Canadá. A obra, dirigida por Jenny Popplewell, mistura elementos de thriller policial, estudo sobre técnicas de interrogatório, drama familiar e conto de imigrantes, oferecendo uma narrativa complexa e multifacetada.

Leia também

‘Suzume’ reafirma o talento de Makoto Shinkai

‘O Fabricante de Lágrimas’ é uma experiência frustrante

Lucas Lucco e Carla Diaz mostram boa química em ‘Rodeio Rock’

História real do documentário O Que Jennifer Fez

O caso ocorreu em 2010, no Canadá, onde Jennifer Pan, insatisfeita com as rígidas expectativas de seus pais imigrantes vietnamitas, planejou o assassinato deles. Ela contratou assassinos para simular um assalto, resultando na morte de sua mãe, Bich Ha Pan, e no ferimento grave de seu pai, Huei Hann Pan.

Jennifer tentou inicialmente enganar a polícia, mas acabou confessando. Em 2014, ela foi condenada à prisão perpétua sem possibilidade de liberdade condicional por 25 anos pelo homicídio de primeiro grau e tentativa de homicídio.

Sinopse de O Que Jennifer Fez, da Netflix

Um crime violento abalou uma pacata cidade canadense: criminosos misteriosos invadem a casa de imigrantes vietnamitas, aterrorizam a família e deixam uma filha traumatizada como única testemunha. Vizinhos e amigos descrevem a família como hospitaleira, generosa e trabalhadora – como eles poderiam ser alvos? O documentário usa imagens de interrogatórios policiais e depoimentos dos envolvidos para desvendar uma teia complexa que ninguém percebeu.

Leia mais crítica de filmes da Netflix

Crítica do filme O Que Jennifer Fez (2024)

O documentário “O Que Jennifer Fez” aborda, de forma aprofundada, as complexidades do terrível caso. A direção de Jenny Popplewell é competente ao manter o suspense, mesmo quando o desfecho parece óbvio desde o início. A utilização de filmagens reais de interrogatórios confere autenticidade e intensidade ao filme, permitindo que o público veja a própria Jennifer desmoronar sob o escrutínio da polícia.

No entanto, o documentário deixa a desejar em alguns aspectos. Apesar de abordar o motivo pelo qual Jennifer queria seus pais mortos, há uma falta de aprofundamento em sua saúde mental e no impacto do rigoroso controle parental em sua psique. Além disso, as técnicas de interrogatório da polícia, que incluem a permissão para mentir, são mencionadas, mas são mal exploradas. Isso levanta questões éticas interessantes que poderiam ter sido mais bem examinadas.

A narrativa se concentra quase exclusivamente em Jennifer, deixando de lado os detalhes sobre os cúmplices do crime. Embora isso possa ser intencional, dada a ênfase no título do documentário, a inclusão de mais informações sobre os outros envolvidos poderia ter enriquecido a história.

Leia tudo sobre séries da Netflix

Conclusão

Apesar de algumas lacunas na narrativa e na exploração de temas mais profundos,  “O Que Jennifer Fez” consegue retratar a complexidade das relações familiares e as consequências devastadoras da pressão para atender às expectativas. Certamente vai agradar ao público que gosta do gênero, mas fica a sensação de que o documentário poderia se aprofundar em diversos aspectos.

  • Vai comprar na Amazon? Então ajude o Flixlândia adquirindo seus produtos pelo nosso link: https://amzn.to/41fnLbN

Onde assistir ao filme O Que Jennifer Fez (2024)?

“O Que Jennifer Fez” está disponível para assinantes da Netflix.

Trailer do documentário O Que Jennifer Fez, da Netflix (2024)

Ficha técnica do filme O Que Jennifer Fez, da Netflix (2024)

  • Título original: What Jennifer Did
  • Direção: Jenny Popplewell
  • Roteiro: Jenny Popplewell
  • Gênero: documentário, policial
  • País: Reino Unido
  • Ano: 2024
  • Duração: 87 minutos
  • Classificação: 12 anos

1 thought on “‘O Que Jennifer Fez?’: fica a sensação de que o documentário poderia ir além

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *